Categorias
Aromaterapia & Óleos Essenciais Naturopatia

O que São e Como Usar os Hidrolatos

O Que São e Como Usar os Hidrolatos

Os hidrolatos ou hidrossóis são produtos derivados da destilação a vapor, ou seja, temos juntos com os óleos essenciais também os hidrolatos e ambos possuem propriedades terapêuticas e podem ser usados para cuidar da saúde física, mental e emocional.

Os hidrolatos verdadeiros não têm adição de óleos essenciais ou qualquer outro aditivo, ou conservantes, sendo por isso também conhecidos como águas aromáticas. São produtos também aromáticos e podem ser usados com segurança por crianças, idosos ou mesmo para ingestão de forma segura, pois não apresentam a mesma concentração dos óleos essenciais.

Len Price & Shirley Price, em seu livro Understanging Hydrolats nomeiam essas ricas águas destiladas como a primeira aromaterapia, mas que se perdeu no tempo e na cultura moderna, embora hoje esteja retomando sua força, não apenas devido as suas propriedades terapêuticas, mas pela questão da sustentabilidade ambiental que toda a cadeia produtiva da aromaterapia gera e impacta no ambiente.

Hidrolatos: Joias Pouco Usadas

A maioria dos aromaterapeutas já ouviu falar em hidrolatos, mas as informações disponíveis ainda são muito pequenas, assim como a quantidade de produtos para serem usados e isso dificulta o aprofundamento dos estudos e consequentemente, o uso nos tratamentos de terapia aromática.

Os hidrolatos possuem tipos e cargas químicas diferentes dos óleos essenciais. Essas águas contêm as moléculas mais pesadas que não foram incorporadas aos óleos essenciais, geralmente fitormônio das ervas.

Os hidrolatos são solúveis em água, por isso podem ser adicionados à água de beber para ser consumido durante o dia por toda a família, mas não se misturam a bases gordurosas como os óleos vegetais.

O que São e Como Usar os Hidrolatos Mosaico Natural

Como Usar os Hidrolatos

Spray Facial: você pode borrifar seu hidrolato diretamente no rosto. Espere secar naturalmente e ele agirá como um adstringente.

Spray Capilar: borrife tanto nos fios como no couro cabeludo para manutenção e cuidados diários dos fios. Os hidrolatos de Alecrim (Rosmarinus officinalis) são ótimos para tratamento contra queda de cabelo.

No Creme Base Neutro: adicione o hidrolato no seu creme base para criar uma textura mais líquida e fácil de espalhar no rosto. Aqui é possível adicionar também óleo essencial, desde que mantida a diluição adequada.

No Travesseiro: borrife a noite antes de dormir um hidrolato calmante e tenha uma noite relaxante.

Hidrolatos com a Celina Zancanaro

Nessa entrevista concecida para o Podcast Aromas para Ouvir, Celina Zancanaro da Floresce Alquimias conta como é o processo de produção, usos e formas adequadas de conservação dessas preciosas ferramentas da aromaterapia ancestral.

Meu nome é Stela Kiill, sou aromaterapeuta especializada nos estudos da Linguagem das Plantas e te dou as boas vindas ao universo aromático.

Te convido a conhecer mais do meu trabalho nas redes sociais como o Instagram YouTube.

Beijokas xerosas,

Stela Kiill

Stela Kiill Aromaterapeuta Mosaico Natural
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Mosaico Natural

© 2020 Mosaico Natural, CNPJ: 36.172.027/0001-09 . Todos os direitos reservados.

Atendimento: contato@mosaiconatural.com.br | 11.93371.1215 (WhatsApp).

Termos de Serviço & Política de Privacidade Cancelamentos

O conteúdo deste site não se destina a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento. Procure sempre o conselho de um profissional de saúde qualificado para tirar qualquer dúvida que tiver em relação a sua condição de saúde.

Categorias
Aromaterapia & Óleos Essenciais Naturopatia

O que são os Oleos Essenciais

O que são os Óleos Essenciais

Os óleos essenciais são naturais, extraídos por destilação. São voláteis (evaporam) e n ao mesmo tempo que não se misturam a água (Hidrofóbico), se misturam muito bem a gorduras (Lipofílico), além de terem aromas característicos.

 

Tem grande versatilidade e facilidade de uso com baixa contra indicação, permitindo tratamento clínico (físico), emocional (psicológico) e energético.

 

São diferentes das essências sintéticas, visto que essas tem a função de perfumar, enquanto os óleos essenciais naturais tem propriedades terapêuticas que cuidam da nossa saúde de forma integral.

 

Onde surgiram os Óleos Essenciais

Há uma confusão quanto ao que se refere como Aromaterapia, visto o vasto campo ao qual esse termo pode se aplicar.

 Atualmente a aromaterapia consiste no uso dos óleos essenciais, mas tendo em vista a história antiga, esse termo pode ser aplicado para os usos aromáticos em geral como perfumes, embalsamento, unções, banhos feitos com ervas medicinais. 

Muitos autores confundem preparos aromáticos com o atual óleo essencial, porque muitas vezes se entender Aromaterapia como o uso de compostos aromáticos derivados de plantas.

 Foi quando o Império Árabe estava crescendo e atraindo influências das práticas chinesas e indianas de cuidados com a saúde que um Alquimista chamado Avicena, criou um componente de destilação com serpentina refrigerada e, embora seja um processo simples, é muito parecido com o que temos ainda hoje e foi o marco do aperfeiçoamento do processo de destilação.

Historicamente há contestação quanto a esse fato, mas a princípio, foi dai que surgiu a destilação dos óleos essenciais e águas aromáticas (hidrolatos).

o que é aromaterapia e os óleos essenciais mosaico natural_1

Nomes Importantes nos estudos dos óleos essenciais

 

Rene Gattefosse: o nome “aromaterapia” foi criado por um químico francês, Rene-Marice Gattefosse, em 1937. Ele sofreu uma queimadura em 1910 e descobriu que o óleo de lavanda era um remédio útil.

Jean Valnet: cirurgião francês, também usou óleos essenciais durante a Segunda Guerra Mundial para ajudar a tratar soldados feridos.

Marguerite Maury: em1950, uma bioquímica austríaca chamada Marguerite Maury interessou-se pela aromaterapia e usou óleos veiculares vegetais para diluir óleos essenciais para uso tópico em massagens. Ela também foi a primeira pessoa a prescrever misturas personalizadas de óleos essenciais que atendiam às necessidades individuais de saúde de seus clientes de massagem.

Robert Tisserand: em 1977, o primeiro livro de aromaterapia em inglês, “The Art of Aromatherapy”, foi escrito por Robert Tisserand, este livro se tornou a base para muitos outros trabalhos sobre aromaterapia. Desde o final dos anos 70, a saúde holística tornou-se uma forma popular e respeitada de prática médica. Aromaterapia e seus benefícios comprovados para a saúde têm sido indiscutivelmente uma força motriz por trás dessa tendência.

Shirley Price: em 1974, Shirley Price se interessou por aromaterapia, a fim de tratar sua própria mãe que tinha artrite. Depois de muitos cursos de treinamento, incluindo alguns no exterior, Shirley se estabeleceu como aromaterapeuta, misturando e criando seus próprios cremes para clientes em seu movimentado salão de beleza. Ela, então fundou a Shirley Price Aromatherapy, um dos maiores centros de educação em Aromaterapia Clínica Inglesa com óleos essenciais de altíssima qualidade, em conjunto com seu marido, Len Price. Ambos são autores de inúmeras obras de valor para nossos estudos.

 

Se você se interessou em conhecer mais pode estudar em um curso de capacitação profissional livre aqui.

Meu nome é Stela Kiill, sou aromaterapeuta especializada nos estudos da Linguagem das Plantas e te dou as boas vindas ao universo aromático.

Te convido a conhecer mais do meu trabalho nas redes sociais como o Instagram YouTube.

Beijokas xerosas,

Stela Kiill

Stela Kiill Aromaterapeuta Mosaico Natural
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Mosaico Natural

© 2020 Mosaico Natural, CNPJ: 36.172.027/0001-09 . Todos os direitos reservados.

Atendimento: contato@mosaiconatural.com.br | 11.93371.1215 (WhatsApp).

Termos de Serviço & Política de Privacidade Cancelamentos

O conteúdo deste site não se destina a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento. Procure sempre o conselho de um profissional de saúde qualificado para tirar qualquer dúvida que tiver em relação a sua condição de saúde.

Categorias
Aromaterapia & Óleos Essenciais Naturopatia

O que é Aromaterapia

O que é Aromaterapia

A aromaterapia é uma terapia natural que se utiliza dos óleos essenciais como uma forma de promover a saúde de forma complementar e integrativa, ou seja ela pode ser usada em conjunto com tratamentos convencionais que já estejam sendo seguidos para melhorar a qualidade de vida, bem estar e potencializar resultados dos tratamentos.

É uma terapia que tem crescido muito nos últimos anos, cerca de 37% ao ano e os motivos são diversos:

** Facilidade e versatilidade de uso

** Disponibilidade de bons produtos

** Excelentes resultados

** Comprovação científica

História da Humanidade ou das Plantas Aromáticas?

A Aromaterapia e os óleos essenciais nem sempre fizeram parte da história da humanidade, mas as ervas aromáticas e medicinais vem sendo usadas pela humanidade desde o início dos tempos e seu surgimento se perde no tempo e caminham lado a lado, se mesclando infinitamente.

No Egito Antigo há evidência de usos das ervas aromáticas em extratos diversos tanto para cuidados com a saúde como rituais religiosos e mesmo no embalsamento dos faraós.

E o desenrolar desse enredo rico entre seres humanos e medicinas naturais não parou por ai e vemos evidências também na China, India, Europa desde tempos memoráveis como  já mais recentemente.

Após a Revolução Industrial os seres humanos mudanram sua relação com a natureza, passamos a ter uma Visão Reducionista, cada vez enxergamos partes menores e perdemos o contato com o Todo, com o espírito humano.

A Aromaterapia vem como uma resposta a esse retorno e por essa busca de respostas tanto para a saúde física, hoje prejudicada pelo estilo de vida, como para as angustias da alma, que nenhum remédio é capaz curar.

aromaterapia oleos essenciais mosaico natural_1

Algumas Formas de Uso da Aromaterapia e dos Óleos Essenciais

Ambiente: usar os óleos essenciais e hidrolatos no difusor é uma das formas mais conhecidas de uso, afinal aroma = cheiro, terapia = cuidados, ou seja cuidados através dos cheiros faz muito juz a esse uso incrível e extremamente eficiente.

Banhos: em banhos de imersão são também opções eficientes que pode ser usadas para problemas de saúde físico ou mesmo bem estar emocional

Extrato Aromático Corporal: os óleos essenciais podem ser adicionados a azeites extravirgem prensados a frio e usados para massagens corporais, reflexologia ou como hidratante corporal.

Spray de Ambiente: nem só de óleos essenciais é feita a aromaterapia e nela temos também disponíveis os hidrolatos. Essas joias da destilação podem ser usados em spray de ambiente em conjunto com os óleos essenciais ou mesmo como tônico e adstringente da pele. Crianças e adultos podem se beneficiar de suas propriedades, sem as restrições de uso de alguns óleos essenciais.

Essas são apenas algumas das muitas formas de uso dessa técnica tão versátil. 

Se você se interessou em conhecer mais pode estudar em um curso de capacitação profissional livre aqui.

Meu nome é Stela Kiill, sou aromaterapeuta especializada nos estudos da Linguagem das Plantas e te dou as boas vindas ao universo aromático.

Te convido a conhecer mais do meu trabalho nas redes sociais como o Instagram YouTube.

Beijokas xerosas,

Stela Kiill

Stela Kiill Aromaterapeuta Mosaico Natural
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Mosaico Natural

© 2020 Mosaico Natural, CNPJ: 36.172.027/0001-09 . Todos os direitos reservados.

Atendimento: contato@mosaiconatural.com.br | 11.93371.1215 (WhatsApp).

Termos de Serviço & Política de Privacidade Cancelamentos

O conteúdo deste site não se destina a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento. Procure sempre o conselho de um profissional de saúde qualificado para tirar qualquer dúvida que tiver em relação a sua condição de saúde.

Categorias
Aromaterapia & Óleos Essenciais Naturopatia Sagrado Feminino

Propriedades do Extrato de Rosas

Propriedades Medicinais do
Extrato de Rosas

As propriedades medicinais e terapêuticas do extrato fitoterápico de rosas é uma dádiva para a saúde feminina, tanto física quanto emocional e nesse artigo vou contar como você pode preparar o seu e também o quanto ele pode ajudar a ter uma vida mais feliz e saudável.

As rosas são desses presentes da natureza que devemos usar sempre que possível, porque além das propriedades terapêuticas, como: antibactericida, fungicida, calmante, equilibradora, relaxante, antidepressiva entre outras, pode ser usada para tratar nossas emoções mais profundas, aquelas que nem sabemos que existem.

Com uma energia incrivelmente ressonante com o campo emocional feminino, essa mágica rainha das flores é capaz de milagres e esse artigo é justamente para te ajudar a incorporar essa força no seu cotidiano ou mesmo das pessoas que você ama e que possam ser curadas por essa realeza.

Propriedades medicinais e energéticas das rosas

Podemos trabalhar com as propriedades medicinais das rosas tanto no contexto clínico, como emocional e espiritual.

Propriedades: Anti-inflamatório, calmante, antibactericida, fungicida, equilibradora, relaxante, antidepressiva.

Rosas Vermelhas: não é simbolo do amor e da paixão à-toa. Sua energia atua no chacra sexual trazendo vitalidade, alegria e desejo de viver com intensidade. Excelente para tratar depressão e apatia.

Rosas Rosa: é o emblema do amor universal e pode tratar os traumas mais profundos da psique, principalmente aqueles que se formaram na infância e que são muito difíceis de alcançar, mesmo com tratamento terapêutico. Essa cor de rosa consegue acalmar e regenerar as dores mais intensas da nossa alma com amor e calma.

Rosas Amarelas: representam a riqueza, generosidade e prosperidade, bem como a amizade sincera. Sempre que precisarmos nos alinhar com a energia da riqueza da vida podemos trabalhar essa cor de rosa com a canela em pau, mel e sementes de girassol em um ritual simples de agradecimento à vida por todas as bençãos que temos em nossos dias.

Rosas Violetas: cor da transmutação e renovação das crenças e pensamentos que tolhem nossa experiência de vida. Use em banhos para sempre criar força de intenção para expandir sua consciência.

Algumas Formas de Uso das Rosas

 

Banhos: Ferva a água, desligue, coloque as pétalas e cubra por 15 min. Removas e use a água da cabeça para baixo.

Tintura Fitoterápica: Coloque pétalas de rosas próprias para consumo em um pote com boa vedação (3/4 do tamanho do pote), cubra com álcool de cereais ou vodca. Feche, etiquete e guarde em local escuro por pelo menos 21 dias. Coe e consuma 1 gota por kg distribuídos em ex ao longo do dia. A tintura deve ser diluída em dois dedos de água para cada dose.

Chás: Ansiedades, raiva, tensão nervosa e insegurança  Ferva a água, desligue e adicione as pétalas próprias para consumo. Deixe coberto por 15 min, removas as pétalas e beba sem açúcar.

Extrato Aromático Corporal: Não é tóxico, irritante ou sensibilizante. Pode ser usado em mulheres no primeiro trimestre de gestação: mesmo processo da tintura fitoterápica acima, apenas substitua o álcool por um azeite extravirgem prensado a frio de sementes de girassol ou amêndoas doces e massageie no corpo depois do período de maceração de 21 dias, já sem as pétalas.

Pele: usar hidrolatos de rosas brancas ou centifolia é sempre uma excelente opção para efeitos regeneradores, adstringente e cicatrizante.

Sistema respiratório: Inale a infusão de rosas por cerca de 15 min com a cabeça coberta e longe de correntes de ar.

Tratamento emocional: faça um spray de pétalas para usar no ambiente ou no corpo: 10 pétalas lavadas em 50ml de álcool e 100 ml de água. Deixe descansar por 20 dias e use sempre que desejar.

Desejo que seu encontro com a gloriosa rosa seja majestoso como a cura e energia que ela traz.

Beijokas xerosas,

Stela Kiill

Stela Kiill Aromaterapeuta Mosaico Natural
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Mosaico Natural

© 2020 Mosaico Natural, CNPJ: 36.172.027/0001-09 . Todos os direitos reservados.

Atendimento: contato@mosaiconatural.com.br | 11.93371.1215 (WhatsApp).

Termos de Serviço & Política de Privacidade Cancelamentos

O conteúdo deste site não se destina a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento. Procure sempre o conselho de um profissional de saúde qualificado para tirar qualquer dúvida que tiver em relação a sua condição de saúde.

Categorias
Naturopatia

Lavanda é Tudo a Mesma Coisa?

Comprar óleo essencial de Lavanda parece simples, né? Afinal todo lugar tem e, além disso, todo mundo fala que é calmante e todo mundo pode usar. Será mesmo?

Primeira coisa que as pessoas que são novas na Aromaterapia não se atentam é à necessidade de se conhecer o nome botânico e a composição química do óleo essencial dela, porque é ai que mora o pulo do gato.

No mundo inteiro a lavanda será chamada de lavanda, ou alfazema, como em alguns lugares no Brasil e em Portugal, mas aqui a coisa começa a ficar interessante… a Lavanda como a conhecemos, calmante, regenerada, equilibradora etc é a Lavanda francesa (Lavandula angustifolia ou officinalis), mas as plantas em geral, quando são levadas para outras localidades geográficas, passam por um fenômeno de mutação do quimiotipo, podendo desenvolver características químicas completamente diferentes da original.

Mas, então, o que existe por ai?

Separei algumas informações iniciais para você conhecer esse terreno fértil de estudos e, só de lavandas, seria possível passar um dia inteiro falando.

Aqui podemos já perceber que o famoso “que óleo é bom pra que” vai muito além de uma associação química, como fazemos com a alopatia.

Então, deixo meu convite para vir aprofundar seus estudos e se encantar cada vez mais com a magia que existe dentro de cada óleo essencial no curso online que irá abrir pré reserva no mês de Maio com valor promocional.

O curso será uma formação completa, com 12 meses de duração e carga de 140h/ aula para você sair da dúvida de como usar os óleos essenciais e ser uma aromaterapeuta formada, com certificado registrado.

Manda um email para naturalmosaico@gmail.com pedindo para receber as informações das vagas que em breve teremos novidades.

Abraços aromáticos,

Stela Kiill

Categorias
Naturopatia

Para Que Serve o Óleo Essencial de Eucalipto

O óleo essencial de eucalipto tem diversos usos e benefícios, mas aqui irei listar os 5 principais para te mostrar porque ele deve fazer parte da sua caixinha de cuidados aromáticos. Vamos lá?

São cerca de 600 espécies de eucalipto, mas nem todas são usadas para extração dos óleos essenciais, por isso é importante sempre se atentar ao nome botânico em latim para que tenha certeza de comprar o que realmente deseja. Tudo o que deixei aqui de conteúdo se aplica a todos, com variações mais ou menos intensas, dependendo da espécie em questão:

Identificação botanica de Eucalyptus
Diferentes de Especies de Eucalyptus
  • Expectorante: tem um composto químico presente nesses óleos essenciais chamado de 1.8 cineole ou eucaliptol para os íntimos 😉 e que o torna responsável por aliviar a carga excessiva de muco produzido pelo organismo. Se estiver com sinusite e tem dificuldades de limpar internamente as vias respiratórias, esse óleo pode ser de grande valia.
    • Analgésico: se o seu quadro respiratório inclui dores de cabeça, faciais ou incômodos em geral, esse óleo essencial também tem ação de aliviar esse agravante. Em um estudo conduzido no Departamento de Biologia, Centro de Ciências, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, Ceará, foram avaliadas as ações contra as dores e inflamações com testes em cobaias. Veja o estudo completo aqui.
  • Anti inflamatório: o mesmo grupo de cientistas estendeu a avaliação da ação de três espécies de óleo essencial Eucalyptus citriodora (EC), Eucalyptus tereticornis (ET), and Eucalyptus globulus (EG) nos efeitos anti inflamatórios induzidos nas cobaias. Embora os resultados nos parâmetros gerais (analgésico e anti inflamatório) possam dar suporte a estudos futuros, para alguns índices não foi possível demonstrar com eficiencia os resultados, mesmo que os ferimentos das cobaias tenham respondido de forma positiva, e isso demonstra que a natureza dos óleos essenciais é extremamente complexa.
    • Antifúngico: em junho de 2010 foi realizado um estudo pela Universidade Federal da Paraíba para provar a ação antifúngica contra os agentes causadores da Candidiase bucal. Para esse estudo foram criados dois grupos, o teste e o controle, ao qual foram ministrados antifúngicos sintéticos, como a miconazol e nistatina e no grupo teste foi aplicado o óleo essencial Eucaliptus globulus que avaliou o índice de Concentração Fungicida Mínima (CFM) e diminuição de 81% das amostras ensaiadas. Veja o estudo completo aqui.
  • Muitos Outros Benefícios: num estudo realizado pela Universidade São Camilo, temos listados, de acordo com os compostos químicos, diversas ações terapêuticas dos óleos essenciais, tais como: potencial antiséptico, antiviral, expectorante, estimulante do sistema respiratório, antiinflamatório, adstringente e ativa a circulação. É indicado para tratar herpes simples, bronquite, asma, tosse, catarro, resfriado, diabetes, sinusite, má-circulação, distúrbios do trato urinário, dores musculares, reumatismo e mordida de cobra. Se aplicado diretamente sobre uma ferida, reduz o tempo de vida do vírus e reduz a dor. É muito utilizado para reequilibrar a respiração (ofegante ou curta). Nas esferas mental e emocional, o óleo de eucalipto é indicado para pessoas pessimistas e com pensamentos fixos e obsessivos. Na esfera física, o óleo de eucalipto dilata a musculatura dos brônquios, pulmões e traquéia, reduz a coriza e a febre e desobstrui as vias aéreas. Veja estudo completo aqui.

Conheça 3 Maneiras de Usar o Óleo Essencial

  1. Aromatização de ambiente – coloque de 3 a 6 gotas em um difusor com água fria e aromatize o ambiente (minha escolha preferida).
  2. Bastão inalador – adicione 3 gotas no bastão de algodão e inale sempre que sentir necessidade.
  3. Escalda pés – dissolva 3 em uma colher de sobremesa de mel e despeje em 3L de água morna. Permaneça por cerca de 20 min e se proteja de friagem depois desse processo.
Bastão Inalador de
Óleos Essenciais

Quais Cuidados Tomar no Uso

Não ingerir é talvez e principal e mais importante aviso, a não ser sob orientação de um profissional especializado em Aromaterapia Francesa que conheça as dosagens, os veículos indicados e as interações passíveis de ocorrer.

Crianças com menos de dois anos, mulheres grávidas, pessoas em crise asmática devem recorrer a outros óleos essenciais para tratamento, preferencialmente sob orientação profissional.

Como Comprar e Armazenar os Óleos Essenciais

A qualidade dos óleos essenciais depende de diversos fatores que vão desde a seleção das sementes usadas na plantação ou se são selvagens, solo, clima, quantidade de chuvas, idade das plantas, estação do ano e muitas outras coisas que possam garantir que o óleo essencial não tenha sido adulterado desde sua extração até chegar a você.

A confiança no fornecedor, nos testes realizados a cada lote envasado, bem como se o óleo é estável (perfumaria) ou não (para uso clínico), são importantes de serem levados em consideração.

Você precisa avaliar o que é importante para você na questão do que deseja obter com o uso dos óleos essenciais e a partir dai selecionar seu fornecedor.

Fiz uma avaliação (confira aqui), sobre uma das empresas que uso os óleos essenciais, a Young Living, por que o processo de qualidade deles é de ponta a ponta (desde a plantação ao envase), além de fornecerem uma linha ampla de óleos essenciais. Tenho outros fornecedores também, mas todos eles tem que atender ao processo de controle de ponta e ponta e não alterarem a composição para que os óleo seja estável, pois uso para finalidades clínicas e terapêuticas.

Abaixo deixo também um vídeo do Autor da Própria Saúde com informações adicionais sobre essa planta incrível que é o Eucalipto.

Gostou desse material? Então compartilha com quem precisa dessa informação, nos seus grupos de estudo de aromaterapia, para o grupo da família e todos que tem sofrido com problemas respiratórios. Informação de qualidade sempre ajuda quem precisa.

Grande abraço,

Stela Kiill

Categorias
Naturopatia Sagrado Feminino

Pesquisa Científica Em Aromaterapia Para Cólicas Menstruais

Foram realizados dois estudos científicos sobre cólicas menstruais e o uso dos óleos essenciais para alívio das dores, e embora não seja comum essa divulgação, decidi trazer informações mais avançadas para dar cada vez mais base e consistência aos seus estudos e uso da aromaterapia.

A dor menstrual é extremamente comum, afetando de 25 a 97% das mulheres em todo o mundo. Em cerca de 15% das adolescentes e mulheres jovens, a dor menstrual é intensa e pode prejudicar atividades como o trabalho, escola, praticar esportes ou desfrutar de outras atividades. ⁠

Em um estudo, a dor menstrual das mulheres em tratamento com massagem abdominal com aromaterapia foi comparada com um grupo controle de mulheres tratadas com acetaminofeno. O grupo de aromaterapia relatou uma taxa significativamente maior de alívio que o grupo de acetaminofeno. Os resultados, no entanto, não são claros, porque é possível que apenas a massagem aliviasse a dor menstrual. Os óleos considerados no estudo: sálvia (scalrea), manjerona, canela, gengibre e gerânio em uma base de óleo de amêndoa.

Posteriormente, um ensaio clínico placebo randomizado, cego, remediou essa questão, comparando um grupo de aromaterapia com um grupo de placebo, recebendo massagem sem óleo terapêutico. Neste estudo, o grupo de aromaterapia relatou uma melhora considerável na dor em comparação com o controle. Os óleos estudados foram canela, cravo, rosa e lavanda em uma base de óleo vegetal de amêndoa.

⁠Que tal aproveitar esses estudos e seus resultados conclusivos para inserir esses óleos essenciais na sua rotina e ter mais qualidade de vida? Deixei o nome das pesquisas que estão na base do PubMed para consulta aberta.

Estudos: Aromatherapy massage on the abdomen for alleviating menstrual pain in high school girls: a preliminary controlled clinical study. Setembro 2011⁠
Hur MH1, Lee MS, Seong KY, Lee MK.⁠
⁠
The effect of aromatherapy abdominal massage on alleviating menstrual pain in nursing students: a prospective randomized cross-over study. 2013⁠
Marzouk TM1, El-Nemer AM, Baraka HN.
Mosaico Natural – Aromaterapia por Stela Kiill
Categorias
Naturopatia Sagrado Feminino

Os 5 Motivos Pelos Quais a Terapia é Indispensável

Ter entendimento do que é o autoconhecimento e entender os cinco motivos pelo qual a terapia é indispensável, pode fazer toda a diferença para a sua felicidade e sem ela, apenas somos mais um na multidão de pessoas que são arrastadas cegamente pelos eventos da sociedade e pelos pensamentos caóticos que vivem mais ou menos de forma subconsciente e afetam nossas atitudes, mesmo que não notemos.

Dia desses estava conversando com a minha mãe e estávamos justamente falando sobre isso, ela de um lado dizendo que terapia é caro e eu argumentando que viver sem terapia é muito mais e fiz uma lista com as 7 principais razões sobre as consequências:

  1. Terapia nos ensina que não sabemos absolutamente nada sobre tudo o que achavamos que sabíamos. Somos educados que o tempo nos ensina tudo. Mentira. O tempo traz, sim experiência, mas se não mudamos nossas atitudes, apenas iremos viver uma vez após a outra as mesmas situações, vide relacionamentos desgastados, problemas profissionais e por aí vai.
  2. Com pouco tempo junto a sua terapeuta, você vai conseguir notar que sua vida reflete exatamente o que foi a experiência de vida dos seus pais, ou seja, padrões de dinheiro (ou falta dele), saúde, atitudes no casamento, com a família, você nota que os repete, sem notar e a terapia vai te ajudar a encontrar a sua forma de ser perante essas situações e não mais a copiar o que te foi ensinado pelo exemplo desde o instante que nasceu. É a oportunidade de dar um “Xô pra lá” bem grande na toxicidade que se repete geração após geração.
  3. Autoestima? Quem? Se esse é o seu parâmetro de autoestima, a terapia também será sua aliada, porque nesse processo de conhecer o que é seu e o que copiamos inconscientemente das pessoas ao redor, também passamos a respeitar mais nosso sentimento e o “não” sai quando queremos dizer “não” e aprendemos a lutar pelo nosso espaço e deixamos de fazer as coisas para agradar a quem quer que seja.
  4. Outro ponto importante: será que suas escolhas estão baseadas no que você realmente quer e se importa ou você comprou a história dos contos de fadas? A mídia nos impacta desde crianças e muitos comportamentos são moldados e nem notamos. A terapia te ajuda a sair desse ciclo e te ajuda a descobrir o que, de verdade, você almeja para ser mais e mais feliz.
  5. Autosabotagem é quando lutamos contra nós mesmas, seja por alimentarmos internamente sentimentos de rejeição, inadequação, medo, dependência, carência etc etc etc. A forma como nos enxergamos é a chave para conquistarmos nossos sonhos porque impacta a forma como agimos. Não adianta querer ser empreendedora se não acredito que serei capaz de dar conta dessa bomba. Não adianta casar se não acredito que em parceria e por aí a lista vai. Perceber o que queremos mas que é diferente do que pensamos é uma das maiores joias que a terapia vai te ensinar a conquistar.

Há outros motivos para se trilhar esse processo de autoconhecimento e não é algo rápido, nem sempre é fácil e olhar de frente que não somos aquele supra sumo de perfeição que achavamos que eramos, nem sempre é agradável e dói, mas não olhar só te deixa ser um a mais na manada que vive na neblina do “não estou tão ruim assim” e dia após dia você perde a oportunidade de ser mais feliz.

E felicidade não se mede em moeda, se mede em paz e harmonia no seu coração, por isso é tão caro não fazer terapia.

Grande abraço,

Stela Kiill

Categorias
Naturopatia

Propriedades Energéticas do Óleo Essencial de Capim Limão

As propriedades energéticas do óleo essencial de Capim Limão, diferentemente de outros óleos essenciais, inicia sua ação energética de forma externa ao nosso corpo, ou seja, ele começa pela nossa aura, lançando um leve ardor muito similar ao causado pelo citral no nosso sistema olfativo.

Esse ardor tem a função de despertar partes nossas adormecidas pelo cansaço físico e energético e injetar uma dose de ação e energia. Essa ação varia de pessoa para pessoa, pois cada uma tem uma fragilidade diferente da outra, o que devemos considerar é a força que será colocada na pessoa, independentemente de sua necessidade e que fará com que ela consiga agir de maneiras a superar e conquistar seus objetivos, exatamente no que a planta nos ensina: não permitir que nada nos tire ou impeça nosso caminho de crescimento.

Depois de recuperar as partes carentes de nosso corpo energético (que pode demorar um tempo bom e que muda de acordo com a necessidade – usar aromatização de ambiente via difusor de água fria é a maneira mais adequada), a ação do óleo essencial passa para as demais partes do corpo e órgãos, aqui já de forma interna e com a finalidade de trazer equilíbrio geral do sistema vivo que somos.

Esse campo energético assume uma coloração verde luminiscente muito clara e transparente que fica ao redor do nosso corpo, formando como que uma capa de proteção do campo eletromagnético e essa energia entra para o restante das camadas por filetes em forma de raiz ou em forma de rachaduras que tem por objetivo quebrar as camadas de energia densa gravadas nos nossos corpos, limpando medos, carência e todo tipo de limitação.

É um óleo essencial com potência de avanço e verdadeira identidade.

Grande abraço,

Stela Kiill