Categorias
Aromaterapia & Óleos Essenciais

Aromaterapia no Tratamento para Depressão

Aromaterapia no Tratamento para Depressão

Em 2009 foi realizado um estudo científico sobre os efeitos da aromaterapia para tratamento da depressão em pacientes com esse quadro ou sintomas depressivos como agravante do tratamento de câncer.

Foram três cientistas da Universidade Politécnica de Hong Kong, que revisaram outros estudos feitos entre os anos de 2000 a 2008 sobre o uso de óleos essenciais em pacientes com depressão ou sintomas depressivos para concluir sobre os resultados de seus efeitos clínicos. Para isso, eles realizaram uma revisão de cinco diferentes bancos de dados eletrônicos para identificar todos os artigos de periódicos que revisados por pares e que testaram os efeitos dos óleos essenciais na forma de massagem terapêutica para pacientes com sintomas depressivos.⁠

Aromaterapia no Tratamento para Depressão
Aromaterapia no Tratamento para Depressão na TV com Stela Kiill

Os resultados foram baseados em seis estudos selecionados que examinaram os efeitos da aromaterapia nos sintomas depressivos em pacientes com depressão e câncer. Alguns estudos mostraram efeitos positivos dessa intervenção entre esses três grupos de pacientes.⁠

Assim, de acordo com essa análise, os estudiosos recomendam que a aromaterapia possa continuar sendo usada como terapia complementar e alternativa para pacientes com depressão e sintomas depressivos secundários decorrentes de vários tipos de condições médicas crônicas. ⁠

 

“A Review on the Effects of Aromatherapy for Patients With Depressive Symptoms⁠
V W C Yim, Adelina K Y Ng, Hector W H Tsang, Ada Y Leung”.⁠ (Clique Para Ver o Estudo).

⁠O estudo da psicoaromaterapia, ou seja, o estudos dos óleos essenciais para cuidar da saúde mental e emocional é uma das minhas maiores paixões e dedico boa parte do meu tempo de estudos em desenvolver pesquisas e materiais que possam aprofundar essa questão. Um dos resultados desse estudo foram algumas pautas que levei para a TV sobre esse tema.

Se olharmos tecnicamente a composição química, todos os óleos essenciais têm propriedades terapêuticas que permitem uma ação antidepressiva, mas alguns são mais conhecidos, como os óleos citrícos – limão siciliano, laranjas doce e amarga, mandarina, grapefruit, por exemplo. Para outras opções é interessante avaliar a origem desse quadro, mas no geral, gerânio, ylang ylang, sândalo, cedro e olíbano também são muito bem aceitos. Uma forma excelente de usá-los e colocar um total de até 6 gotas de óleo essencial no difusor de água fria durante 30 min 3xdia.

 

 

 

aromaterapia no tratamento para depressão

Apesar das dificuldades existentes para que estudos conclusivos sejam publicados, há sempre material de pesquisa que fundamenta o trabalho dos profissionais da área e te convido a participar dessa Comunidade Aromática que é apaixonada pelos óleos essenciais e que, independente de marca, nome, escola de estudo, tem carinho por aprofundar seus conhecimentos e compartilhá-los com o mundo, criando assim uma sociedade com mais saúde.

Seus grupos de estudo ou mesmo quem nada conhece de óleos essenciais, vai te agradecer quando descobrir a riqueza do benefício que você está ensinando a essas pessoas.

A cada dia que passa a ciência da Aromaterapia se desenvolver mais e mais, assim pessoas que desejam uma carreira profissional tem diversos caminhos para escolher e, entre eles, está a carreira científica.

Se você deseja se aprofundar no universo dos óleos essenciais, hidrolatos e da aromaterapia, te convido a estudar comigo esse rico universo das medicinas integrativas.

Abraços aromáticos,

Stela Kiill | Aromaterapeuta

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Mosaico Natural

© 2020 Mosaico Natural, CNPJ: 36.172.027/0001-09 . Todos os direitos reservados.

Atendimento: contato@mosaiconatural.com.br | 11.93371.1215 (WhatsApp).

Termos de Serviço & Política de Privacidade Cancelamentos

O conteúdo deste site não se destina a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento. Procure sempre o conselho de um profissional de saúde qualificado para tirar qualquer dúvida que tiver em relação a sua condição de saúde.

Categorias
Aromaterapia & Óleos Essenciais

O Que é a Doutrina das Assinaturas Botânicas

O que é a Doutrina das Assinaturas Botânicas

Falar em aromaterapia e não explicar o que é a doutrina das assinaturas botânicas, bem como suas origens junto aos povos ancestrais é como tirar as nadadeiras de um peixe e querer que ele nade adequadamente.

Os povos ancestrais observavam a natureza para buscar cura e respostas às suas dúvidas, e suas tecnicas profundas de contato com formas sútis de informação, hoje estudadas pela Física Quântica, foram trazida para os dias atuais, inicialmente por Paracelso, depois por Goethe  no desenvolvimento da Fenomenologia e por Dr. Bach nos estudos florais.

 

O estudo das Doutrinas das Assinaturas Botânicas, consiste na observação das plantas com relação às suas características de crescimento e sua forma de interação com o mundo, buscando entender na forma física da planta e na sua função orgânica, a expressão do conhecimento intuitivo e energético que ela terá na saúde humana emocional e espiritual.

 

Nos cursos de Aromaterapia sempre que conduzo as meditações busco lembrar as alunas do grande valor que o mistério vegetal tem intrínseco em sua expressão, cada planta vive exatamente pela sua função a qual foi criada, ela não tenta ser o que a planta vizinha é, ela simplesmente é, e isso é algo que a humanidade ainda não alcançou, porque ainda desconhecemos nossas essências, ou como é chamado no Xamanismo, a medicina de nossas almas ainda é oculta, por falta de autoconhecimento e por isso mesmo, temos tanto dificuldade em expressarmos nossa verdade.

Doutrina das Assinaturas Botânicas Mosaico Natural Stela Kiill

As plantas são grandes mestres e se estivermos dispostas a abrir mão, mesmo que por instantes, de nosso julgamento e pré concepção quanto às suas funções, elas terão universos para nos ensinar. Basta estarmos abertos, receptivos e pacientes.

 

Nos estudos que faço, por vezes demoro dias para conseguir estabelecer um dialogo de aprendizado, nem sempre estamos prontos para o que esse mistério teria a nos mostrar. Uma “simples planta” tem canais de comunicação tão complexos e vastos que nossa tecnologia atual nem mesmo consegue imaginar um projeto assim.

O caminho é longo, mas elas são pacientes e humildes e entendem que não conseguimos ver além do ‘matinho’ ou do ‘cházinho’ e esperam calmante por nosso amadurecimento para que possamos estar mais aberto a aquilo que ainda é diferente de nós.

 

Grande abraço,

 

Stela Kiill

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Mosaico Natural

© 2020 Mosaico Natural, CNPJ: 36.172.027/0001-09 . Todos os direitos reservados.

Atendimento: contato@mosaiconatural.com.br | 11.93371.1215 (WhatsApp).

Termos de Serviço & Política de Privacidade Cancelamentos

O conteúdo deste site não se destina a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento. Procure sempre o conselho de um profissional de saúde qualificado para tirar qualquer dúvida que tiver em relação a sua condição de saúde.

Categorias
Aromaterapia & Óleos Essenciais Naturopatia

O que São e Como Usar os Hidrolatos

O Que São e Como Usar os Hidrolatos

Os hidrolatos ou hidrossóis são produtos derivados da destilação a vapor, ou seja, temos juntos com os óleos essenciais também os hidrolatos e ambos possuem propriedades terapêuticas e podem ser usados para cuidar da saúde física, mental e emocional.

Os hidrolatos verdadeiros não têm adição de óleos essenciais ou qualquer outro aditivo, ou conservantes, sendo por isso também conhecidos como águas aromáticas. São produtos também aromáticos e podem ser usados com segurança por crianças, idosos ou mesmo para ingestão de forma segura, pois não apresentam a mesma concentração dos óleos essenciais.

Len Price & Shirley Price, em seu livro Understanging Hydrolats nomeiam essas ricas águas destiladas como a primeira aromaterapia, mas que se perdeu no tempo e na cultura moderna, embora hoje esteja retomando sua força, não apenas devido as suas propriedades terapêuticas, mas pela questão da sustentabilidade ambiental que toda a cadeia produtiva da aromaterapia gera e impacta no ambiente.

Hidrolatos: Joias Pouco Usadas

A maioria dos aromaterapeutas já ouviu falar em hidrolatos, mas as informações disponíveis ainda são muito pequenas, assim como a quantidade de produtos para serem usados e isso dificulta o aprofundamento dos estudos e consequentemente, o uso nos tratamentos de terapia aromática.

Os hidrolatos possuem tipos e cargas químicas diferentes dos óleos essenciais. Essas águas contêm as moléculas mais pesadas que não foram incorporadas aos óleos essenciais, geralmente fitormônio das ervas.

Os hidrolatos são solúveis em água, por isso podem ser adicionados à água de beber para ser consumido durante o dia por toda a família, mas não se misturam a bases gordurosas como os óleos vegetais.

O que São e Como Usar os Hidrolatos Mosaico Natural

Como Usar os Hidrolatos

Spray Facial: você pode borrifar seu hidrolato diretamente no rosto. Espere secar naturalmente e ele agirá como um adstringente.

Spray Capilar: borrife tanto nos fios como no couro cabeludo para manutenção e cuidados diários dos fios. Os hidrolatos de Alecrim (Rosmarinus officinalis) são ótimos para tratamento contra queda de cabelo.

No Creme Base Neutro: adicione o hidrolato no seu creme base para criar uma textura mais líquida e fácil de espalhar no rosto. Aqui é possível adicionar também óleo essencial, desde que mantida a diluição adequada.

No Travesseiro: borrife a noite antes de dormir um hidrolato calmante e tenha uma noite relaxante.

Hidrolatos com a Celina Zancanaro

Nessa entrevista concecida para o Podcast Aromas para Ouvir, Celina Zancanaro da Floresce Alquimias conta como é o processo de produção, usos e formas adequadas de conservação dessas preciosas ferramentas da aromaterapia ancestral.

Meu nome é Stela Kiill, sou aromaterapeuta especializada nos estudos da Linguagem das Plantas e te dou as boas vindas ao universo aromático.

Te convido a conhecer mais do meu trabalho nas redes sociais como o Instagram YouTube.

Beijokas xerosas,

Stela Kiill

Stela Kiill Aromaterapeuta Mosaico Natural
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Mosaico Natural

© 2020 Mosaico Natural, CNPJ: 36.172.027/0001-09 . Todos os direitos reservados.

Atendimento: contato@mosaiconatural.com.br | 11.93371.1215 (WhatsApp).

Termos de Serviço & Política de Privacidade Cancelamentos

O conteúdo deste site não se destina a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento. Procure sempre o conselho de um profissional de saúde qualificado para tirar qualquer dúvida que tiver em relação a sua condição de saúde.

Categorias
Aromaterapia & Óleos Essenciais Naturopatia

O que são os Oleos Essenciais

O que são os Óleos Essenciais

Os óleos essenciais são naturais, extraídos por destilação. São voláteis (evaporam) e n ao mesmo tempo que não se misturam a água (Hidrofóbico), se misturam muito bem a gorduras (Lipofílico), além de terem aromas característicos.

 

Tem grande versatilidade e facilidade de uso com baixa contra indicação, permitindo tratamento clínico (físico), emocional (psicológico) e energético.

 

São diferentes das essências sintéticas, visto que essas tem a função de perfumar, enquanto os óleos essenciais naturais tem propriedades terapêuticas que cuidam da nossa saúde de forma integral.

 

Onde surgiram os Óleos Essenciais

Há uma confusão quanto ao que se refere como Aromaterapia, visto o vasto campo ao qual esse termo pode se aplicar.

 Atualmente a aromaterapia consiste no uso dos óleos essenciais, mas tendo em vista a história antiga, esse termo pode ser aplicado para os usos aromáticos em geral como perfumes, embalsamento, unções, banhos feitos com ervas medicinais. 

Muitos autores confundem preparos aromáticos com o atual óleo essencial, porque muitas vezes se entender Aromaterapia como o uso de compostos aromáticos derivados de plantas.

 Foi quando o Império Árabe estava crescendo e atraindo influências das práticas chinesas e indianas de cuidados com a saúde que um Alquimista chamado Avicena, criou um componente de destilação com serpentina refrigerada e, embora seja um processo simples, é muito parecido com o que temos ainda hoje e foi o marco do aperfeiçoamento do processo de destilação.

Historicamente há contestação quanto a esse fato, mas a princípio, foi dai que surgiu a destilação dos óleos essenciais e águas aromáticas (hidrolatos).

o que é aromaterapia e os óleos essenciais mosaico natural_1

Nomes Importantes nos estudos dos óleos essenciais

 

Rene Gattefosse: o nome “aromaterapia” foi criado por um químico francês, Rene-Marice Gattefosse, em 1937. Ele sofreu uma queimadura em 1910 e descobriu que o óleo de lavanda era um remédio útil.

Jean Valnet: cirurgião francês, também usou óleos essenciais durante a Segunda Guerra Mundial para ajudar a tratar soldados feridos.

Marguerite Maury: em1950, uma bioquímica austríaca chamada Marguerite Maury interessou-se pela aromaterapia e usou óleos veiculares vegetais para diluir óleos essenciais para uso tópico em massagens. Ela também foi a primeira pessoa a prescrever misturas personalizadas de óleos essenciais que atendiam às necessidades individuais de saúde de seus clientes de massagem.

Robert Tisserand: em 1977, o primeiro livro de aromaterapia em inglês, “The Art of Aromatherapy”, foi escrito por Robert Tisserand, este livro se tornou a base para muitos outros trabalhos sobre aromaterapia. Desde o final dos anos 70, a saúde holística tornou-se uma forma popular e respeitada de prática médica. Aromaterapia e seus benefícios comprovados para a saúde têm sido indiscutivelmente uma força motriz por trás dessa tendência.

Shirley Price: em 1974, Shirley Price se interessou por aromaterapia, a fim de tratar sua própria mãe que tinha artrite. Depois de muitos cursos de treinamento, incluindo alguns no exterior, Shirley se estabeleceu como aromaterapeuta, misturando e criando seus próprios cremes para clientes em seu movimentado salão de beleza. Ela, então fundou a Shirley Price Aromatherapy, um dos maiores centros de educação em Aromaterapia Clínica Inglesa com óleos essenciais de altíssima qualidade, em conjunto com seu marido, Len Price. Ambos são autores de inúmeras obras de valor para nossos estudos.

 

Se você se interessou em conhecer mais pode estudar em um curso de capacitação profissional livre aqui.

Meu nome é Stela Kiill, sou aromaterapeuta especializada nos estudos da Linguagem das Plantas e te dou as boas vindas ao universo aromático.

Te convido a conhecer mais do meu trabalho nas redes sociais como o Instagram YouTube.

Beijokas xerosas,

Stela Kiill

Stela Kiill Aromaterapeuta Mosaico Natural
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Mosaico Natural

© 2020 Mosaico Natural, CNPJ: 36.172.027/0001-09 . Todos os direitos reservados.

Atendimento: contato@mosaiconatural.com.br | 11.93371.1215 (WhatsApp).

Termos de Serviço & Política de Privacidade Cancelamentos

O conteúdo deste site não se destina a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento. Procure sempre o conselho de um profissional de saúde qualificado para tirar qualquer dúvida que tiver em relação a sua condição de saúde.

Categorias
Aromaterapia & Óleos Essenciais Naturopatia

O que é Aromaterapia

O que é Aromaterapia

A aromaterapia é uma terapia natural que se utiliza dos óleos essenciais como uma forma de promover a saúde de forma complementar e integrativa, ou seja ela pode ser usada em conjunto com tratamentos convencionais que já estejam sendo seguidos para melhorar a qualidade de vida, bem estar e potencializar resultados dos tratamentos.

É uma terapia que tem crescido muito nos últimos anos, cerca de 37% ao ano e os motivos são diversos:

** Facilidade e versatilidade de uso

** Disponibilidade de bons produtos

** Excelentes resultados

** Comprovação científica

História da Humanidade ou das Plantas Aromáticas?

A Aromaterapia e os óleos essenciais nem sempre fizeram parte da história da humanidade, mas as ervas aromáticas e medicinais vem sendo usadas pela humanidade desde o início dos tempos e seu surgimento se perde no tempo e caminham lado a lado, se mesclando infinitamente.

No Egito Antigo há evidência de usos das ervas aromáticas em extratos diversos tanto para cuidados com a saúde como rituais religiosos e mesmo no embalsamento dos faraós.

E o desenrolar desse enredo rico entre seres humanos e medicinas naturais não parou por ai e vemos evidências também na China, India, Europa desde tempos memoráveis como  já mais recentemente.

Após a Revolução Industrial os seres humanos mudanram sua relação com a natureza, passamos a ter uma Visão Reducionista, cada vez enxergamos partes menores e perdemos o contato com o Todo, com o espírito humano.

A Aromaterapia vem como uma resposta a esse retorno e por essa busca de respostas tanto para a saúde física, hoje prejudicada pelo estilo de vida, como para as angustias da alma, que nenhum remédio é capaz curar.

aromaterapia oleos essenciais mosaico natural_1

Algumas Formas de Uso da Aromaterapia e dos Óleos Essenciais

Ambiente: usar os óleos essenciais e hidrolatos no difusor é uma das formas mais conhecidas de uso, afinal aroma = cheiro, terapia = cuidados, ou seja cuidados através dos cheiros faz muito juz a esse uso incrível e extremamente eficiente.

Banhos: em banhos de imersão são também opções eficientes que pode ser usadas para problemas de saúde físico ou mesmo bem estar emocional

Extrato Aromático Corporal: os óleos essenciais podem ser adicionados a azeites extravirgem prensados a frio e usados para massagens corporais, reflexologia ou como hidratante corporal.

Spray de Ambiente: nem só de óleos essenciais é feita a aromaterapia e nela temos também disponíveis os hidrolatos. Essas joias da destilação podem ser usados em spray de ambiente em conjunto com os óleos essenciais ou mesmo como tônico e adstringente da pele. Crianças e adultos podem se beneficiar de suas propriedades, sem as restrições de uso de alguns óleos essenciais.

Essas são apenas algumas das muitas formas de uso dessa técnica tão versátil. 

Se você se interessou em conhecer mais pode estudar em um curso de capacitação profissional livre aqui.

Meu nome é Stela Kiill, sou aromaterapeuta especializada nos estudos da Linguagem das Plantas e te dou as boas vindas ao universo aromático.

Te convido a conhecer mais do meu trabalho nas redes sociais como o Instagram YouTube.

Beijokas xerosas,

Stela Kiill

Stela Kiill Aromaterapeuta Mosaico Natural
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Mosaico Natural

© 2020 Mosaico Natural, CNPJ: 36.172.027/0001-09 . Todos os direitos reservados.

Atendimento: contato@mosaiconatural.com.br | 11.93371.1215 (WhatsApp).

Termos de Serviço & Política de Privacidade Cancelamentos

O conteúdo deste site não se destina a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento. Procure sempre o conselho de um profissional de saúde qualificado para tirar qualquer dúvida que tiver em relação a sua condição de saúde.

Categorias
Aromaterapia & Óleos Essenciais Naturopatia Sagrado Feminino

Propriedades do Extrato de Rosas

Propriedades Medicinais do
Extrato de Rosas

As propriedades medicinais e terapêuticas do extrato fitoterápico de rosas é uma dádiva para a saúde feminina, tanto física quanto emocional e nesse artigo vou contar como você pode preparar o seu e também o quanto ele pode ajudar a ter uma vida mais feliz e saudável.

As rosas são desses presentes da natureza que devemos usar sempre que possível, porque além das propriedades terapêuticas, como: antibactericida, fungicida, calmante, equilibradora, relaxante, antidepressiva entre outras, pode ser usada para tratar nossas emoções mais profundas, aquelas que nem sabemos que existem.

Com uma energia incrivelmente ressonante com o campo emocional feminino, essa mágica rainha das flores é capaz de milagres e esse artigo é justamente para te ajudar a incorporar essa força no seu cotidiano ou mesmo das pessoas que você ama e que possam ser curadas por essa realeza.

Propriedades medicinais e energéticas das rosas

Podemos trabalhar com as propriedades medicinais das rosas tanto no contexto clínico, como emocional e espiritual.

Propriedades: Anti-inflamatório, calmante, antibactericida, fungicida, equilibradora, relaxante, antidepressiva.

Rosas Vermelhas: não é simbolo do amor e da paixão à-toa. Sua energia atua no chacra sexual trazendo vitalidade, alegria e desejo de viver com intensidade. Excelente para tratar depressão e apatia.

Rosas Rosa: é o emblema do amor universal e pode tratar os traumas mais profundos da psique, principalmente aqueles que se formaram na infância e que são muito difíceis de alcançar, mesmo com tratamento terapêutico. Essa cor de rosa consegue acalmar e regenerar as dores mais intensas da nossa alma com amor e calma.

Rosas Amarelas: representam a riqueza, generosidade e prosperidade, bem como a amizade sincera. Sempre que precisarmos nos alinhar com a energia da riqueza da vida podemos trabalhar essa cor de rosa com a canela em pau, mel e sementes de girassol em um ritual simples de agradecimento à vida por todas as bençãos que temos em nossos dias.

Rosas Violetas: cor da transmutação e renovação das crenças e pensamentos que tolhem nossa experiência de vida. Use em banhos para sempre criar força de intenção para expandir sua consciência.

Algumas Formas de Uso das Rosas

 

Banhos: Ferva a água, desligue, coloque as pétalas e cubra por 15 min. Removas e use a água da cabeça para baixo.

Tintura Fitoterápica: Coloque pétalas de rosas próprias para consumo em um pote com boa vedação (3/4 do tamanho do pote), cubra com álcool de cereais ou vodca. Feche, etiquete e guarde em local escuro por pelo menos 21 dias. Coe e consuma 1 gota por kg distribuídos em ex ao longo do dia. A tintura deve ser diluída em dois dedos de água para cada dose.

Chás: Ansiedades, raiva, tensão nervosa e insegurança  Ferva a água, desligue e adicione as pétalas próprias para consumo. Deixe coberto por 15 min, removas as pétalas e beba sem açúcar.

Extrato Aromático Corporal: Não é tóxico, irritante ou sensibilizante. Pode ser usado em mulheres no primeiro trimestre de gestação: mesmo processo da tintura fitoterápica acima, apenas substitua o álcool por um azeite extravirgem prensado a frio de sementes de girassol ou amêndoas doces e massageie no corpo depois do período de maceração de 21 dias, já sem as pétalas.

Pele: usar hidrolatos de rosas brancas ou centifolia é sempre uma excelente opção para efeitos regeneradores, adstringente e cicatrizante.

Sistema respiratório: Inale a infusão de rosas por cerca de 15 min com a cabeça coberta e longe de correntes de ar.

Tratamento emocional: faça um spray de pétalas para usar no ambiente ou no corpo: 10 pétalas lavadas em 50ml de álcool e 100 ml de água. Deixe descansar por 20 dias e use sempre que desejar.

Desejo que seu encontro com a gloriosa rosa seja majestoso como a cura e energia que ela traz.

Beijokas xerosas,

Stela Kiill

Stela Kiill Aromaterapeuta Mosaico Natural
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Mosaico Natural

© 2020 Mosaico Natural, CNPJ: 36.172.027/0001-09 . Todos os direitos reservados.

Atendimento: contato@mosaiconatural.com.br | 11.93371.1215 (WhatsApp).

Termos de Serviço & Política de Privacidade Cancelamentos

O conteúdo deste site não se destina a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento. Procure sempre o conselho de um profissional de saúde qualificado para tirar qualquer dúvida que tiver em relação a sua condição de saúde.

Categorias
Aromaterapia & Óleos Essenciais

Propriedades do Óleo Essencial de Olíbano

Propriedades Medicinais do
Óleo Essencial de Olíbano

As propriedades medicinais e terapêuticas do Óleo Essencial de Olíbano, também conhecido como Frankincense (Boswellia carteri)são antigas, e seu nome tem na origem uma palavra medieval francesa que significa incenso real.

Essa resina extraída através de cortes feitos no tronco da árvore é considerado um balsamo sagrado no Oriente Médio e tem sido usado em cerimônias religiosas ao longo de milhares de anos.

Um dos fatos históricos importantes ligados a essa resina é por sido um dos presentes que recebeu Jesus em seu nascimento (Mirra, Ouro e Incenso) e tido, na época, como um remédio para tratar qualquer mal conhecido pelo ser humano.

Foi encontrada menção ao Olíbano num papiro, Ebers Papyrus datado do século XVI A.C., se tratando de uma lista Egípcia com 877 prescrições e receitas medicinais.

As propriedades do óleo essencial de olíbano podem ser vistas para olhos que sabem identificar a grandiosidade dessa pequena árvore, de folhas plumosas e flores brancas ou cor de rosa que habita terras secas e áridas.

O óleo essencial é obtido através da destilação da resina, retirada da casca da árvore através de cortes feitos na mesma. São as lágrimas da dor, no meio da aridez e da solidão, que faz brotar a reconexão espiritual trazida por esse óleo essencial em sua força sutil.

A família botânica das Burseraceas, a qual tanto o olíbano quanto a Mirra são membros, tem 18 gêneros e 550 espécies. Seu nome se deve à uma homenagem feita ao médico e botânico Joachim Burser (1583-1649). 

Propriedades Medicinais do Óleo Essencial de Olibano por Stela Kiill_2

Podemos trabalhar com as propriedades medicinais do óleo essencial de olíbano tanto no contexto clínico, como emocional e espiritual:

Principais Compostos Químicos: Alpha-pineno (30 – 65%), Limoneno (8-20%), Sabinene (1-8%).

Propriedades: Anti-inflamatório, antisséptico, citofilático e expectorante.

Problemas de Pele: Pele madura ou sexa, cicatrizes ou manchas.

Sistema Respiratório: Asma, bronquite, catarro, tosse, laringite e falta de ar.

Sistema Nervoso: Ansiedades, raiva, tensão nervosa e insegurança.

Segurança de Uso: Não é tóxico, irritante ou sensibilizante. Evite o uso em mulheres no primeiro  trimestre de gestação.

Pele: usar cremes neutros orgânicos como base para o óleo essencial são uma excelente opção: dilua 10 gotas de óleo essencial em 50g de creme orgânico de semente de uva.

Sistema respiratório: nebulização com 100ml de água aquecida e 2 gotas de óleo essencial. Inale com a cabeça coberta e longe de correntes de ar.

Tratamento emocional: pingue uma gota em algodão e inale durante a noite.

Aprimorar Conexão Espiritual: pingue 1 gota no topo da cabeça e faça uma meditação de 30 minutos.

Bibliografia: Gui Completo de Aromaterapia. Joanna Hoare. Ed. Pensamento

Essential Oil Desk Reference, 7a Ed. Editora Life Science EUA

 

Desejo a vocês que essa amizade aromática seja sincera e próspera.

Beijokas xerosas,

Stela Kiill

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Mosaico Natural

© 2020 Mosaico Natural, CNPJ: 36.172.027/0001-09 . Todos os direitos reservados.

Atendimento: contato@mosaiconatural.com.br | 11.93371.1215 (WhatsApp).

Termos de Serviço & Política de Privacidade Cancelamentos

O conteúdo deste site não se destina a ser um substituto para aconselhamento médico profissional, diagnóstico ou tratamento. Procure sempre o conselho de um profissional de saúde qualificado para tirar qualquer dúvida que tiver em relação a sua condição de saúde.

Categorias
Aromaterapia & Óleos Essenciais

Óleos Essenciais na Perfumaria Funcional

O que é a Perfumaria Funcional

Ao usar os Óleos Essenciais na Perfumaria Funcional você não ganha apenas em facilidade e versatilidade, mas em saúde por usar aromas com propriedades curadoras tanto do seu corpo emocional, mental e físico.

O nosso olfato é um sentido potente, influenciando até mesmo o sabor que sentimos dos nossos alimentos e está ligado, através do nervo olfativo, ao nosso sistema límbico, onde nosso cérebro registra todas as nossas emoções. É por isso que a memória olfativa é tão importante e mesmo depois de muitos anos, um cheiro pode trazer memórias muito antigas à tona.

As moléculas aromáticas dos óleos essenciais tem ações tanto no nosso corpo físico, emocional e energético e para você se beneficiar dessa técnica vou dar algumas dicas:

Como Usar os Óleos Essenciais na Perfumaria Funcional

Usar os óleos essenciais na perfumaria funcional para ajudar a acalmar é sempre uma das principais preferências.

Os óleos essenciais sugeridos ajudam a reduzir a produção de cortisol, equilibram os batimentos cardíacos e mantém a mente serena.

Cedro Atlas

Com aroma fresco e amadeirado nos traz direto para nosso centro emocional lembrando as grandes árvores de cedro do Líbano, símbolo de orgulho nacional e usada por Rei Salomão na construção de seu templo.

Vetiver

Seu nome botânico é Vetiveria zizanoides e se refere a uma raíz profunda que teve sua origem na Índia. 

Seu aroma profundo, marca nossa alma e nos direciona ao ritmo da tranquilidade.

Lavanda

A famosa lavanda francesa (Lavandula angustifolia) é a queridinha dos aromas florais e pode ser combinada com sucesso com os dois óleos essenciais citados aqui nesse artigo ou mesmo compor outras sinergias mais complexas.

Óleos essenciais para concentração e foco

No nosso dia a dia, por vezes temos a experiência de perder a concentração em meio a tantos afazeres e aqui os óleos essencias podem ser também muito eficazes.

Alecrim

Considerada a erva da sabedoria (Rosmarinus oficinallis) e das vitórias, faz parte da cultura de muitas histórias da humanidade, especialmente às ligadas a antiga Grécia e seus estudantes de filosofia que as usavam em forma de coroa para ajudar na aprendizagem.

 

Junipero Berry

É parte da família das coniferas, mas tem uma estrutura fisiológica complemente diferentes de suas irmãs. O óleo essencial do Junipero communis fruit é extraído dos frutos maduros, os quais demoram até três anos para chegarem a maturação. É dono de um aroma verde, fresco e marcante.

Limão Siciliano

Na aromaterapia, o óleo de limão siciliano é um item obrigatório na farmácia aromática, por sua versatilidade, inúmeros benefícios e aroma fresco, alegre e renovador. Seu nome botânico é Citrus Limon e entre seus componentes podem ocorrer elementos fotossensíveis, por isso evite o uso se for se expor ao sol.

spray para uso de óleos essenciais e aromaterapia

Duas formas muito interessantes de criar seu perfume funcional, que agrada ao olfato e cuida da sua saúde, são os sprays e os rollons. Nessa última opção você pode também se beneficiar dos óleos macerados aromáticos.

rollon para uso de óleos essenciais e aromaterapia

Spray

Vasilhame: 30ml

Álcool: 7ml

Óleos Essenciais: 30 gotas no total

Água destilada: 23ml

Misture os ingredientes na sequência, feche, chacoalhe e use.

Mantenha em local escuro e procure plásticos de boa qualidade ou vidro ambar.

Rollon

Bastão: 10ml

Óleo vegetal semente de uva: 10ml

Óleo Essencial: 15 gotas

Misture, feche e use.

Não esqueça de manter longe de fontes de calor e luz solar.

Antes de terminar...

Importante lembrar que a fixação dos aromas naturais é diferente da perfumaria sintética, pois nos óleos essenciais não há um fixador e usar o óleo essencial puro não irá alterar esse resultados e pode causar uma reação adversa na sua pele. Lembre que menos é mais quando falamos de produtos ultra concentrados como os óleos essenciais.

 

Agora que você conhece todas as informações, use e abuse da nova forma de usar a aromaterapia e os óleos essenciais na Perfumaria Funcional.

 

Um Cheiro Para Vocês,

 

Stela Kiill | Mosaico Natural

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram
aromaterapia oleos essenciais mosaico natural

O que é Aromaterapia

A aromaterapia é uma terapia natural que se utiliza dos óleos essenciais como uma forma de promover a saúde de forma complementar e integrativa

Leia mais »
Categorias
Aromaterapia & Óleos Essenciais

Colares Difusores Pessoais

Colares Difusores Pessoais

Usar um Difusores Pessoal é uma maneira rápida de se beneficiar do poder dos óleos essenciais e manter o ‘look’ impecável. Além dos modelos de cerâmica, os quais, gosto muito por serem artesanais, há também outros designs em metal para um ar mais formal.

Quem conhece o que a aromaterapia sabe como é importante manter o uso dos óleos essenciais e, consequentemente, os benefícios que a aromaterapia nos trazem, mas nem sempre é possível carregar seu vidrinho, porque o óleo é caro ou vamos a um lugar muito quente, ou simplesmente não é viável, daí os difusores pessoais são a maneira perfeita para incorporar seu tratamento no dia a dia e assegurar a saúde aromática em dia.

Vamos considerar que a atuação dos óleos essenciais é integrativa ou holística, ou seja, mexe em todas as esferas do nosso ser: psicológico e emocional (psicoaromaterapia), físico (aromaterapia clínica), energético e espiritual (vibracional) e quando usamos a inalação como via de tratamento, estamos acessando o nervo olfativo que conecta nosso olfato com o sistema límbico, responsável por armazenar nossas emoções.

Por isso você pode sentir um cheiro e ele te ligar a uma memória de quando era criança ou recordar algo que você havia esquecido. Nossa memória olfativa é poderosa e tratar as emoções usando as moléculas aromáticas e as vibrações energéticas dos óleos essenciais é poderoso.

Como indico o uso: pingue a gota do seu óleo essencial no algodão e use por cerca de 30 min e tire, espere pelo menos 3 horas e coloque novamente com uma nova gota do óleo essencial.

 

⁠A troca é importante porque os óleos essenciais são voláteis e com o passar das horas vão perdendo suas propriedades medicinais e a pausa entre os usos é também parte do processo para não sobrecarregar seu sistema olfativo com as moléculas por horas a fio próximo ao seu nariz.

Para explicar essa questão do tempo de inalação sempre uso um paralelo com um rádio e pense em quanto tempo você aguenta ouvir música alta sem que comece a te incomodar ou as pessoas a seu redor (porque, sim… o seu aroma chega no nariz dos outros também e nem sempre é o que a pessoa quer ou precisa naquele momento e corre o risco de ser um incômodo para a pessoa. Ela, sem saber o que a irrita, pode simplesmente se afastar). É o mesmo efeito de quando entramos numa loja que não gostamos do cheiro, simplesmente vamos embora. 

Voltando ao paralelo do rádio, nem todas as pessoas escutam as mesmas músicas, então porque faríamos isso com nosso olfato?

Grande e aromático abraço,

Stela Kiill